José Aldyr Gonçalves

Escritos de ontem, de hoje e de amanhã...

Textos

EU NUNCA VOU MORRER
EU NUNCA VOU MORRER...

- José Aldyr Gonçalves

Porque sou filho do Fogo
Que tanto pode estar estampado nas manchetes do
mundo,
Esconder-se na pólvora, na expectativa de um atrito,
Riscar os céus nas mensagens do relâmpago;
Ou pura e simplesmente aquecer e iluminar
As enormes esperanças de vidas aparentemente
pequenas.
Eu nunca vou morrer...
Porque fiz amizade com a Água.
E apesar de não lhe ter sido mais íntimo,
Pela minha frágil incapacidade de flutuar,
Caminhei à beira-rio e à beira-mar;
Confessei-lhe segredos e com ela tive momentos
orgásticos.
Eu nunca vou morrer...
Porque, quando criança, aprendi a brincar com o Ar,
Dando-lhe o prazer de voar com a minha fértil
imaginação,
Em busca de um mundo sem estragos.
E quando adulto, reencontrei os tapetes e castelos antes
construídos;
Retomando as viagens, pelos símbolos da Magia do
Espírito...
Da Verdade Universal que brota na eterna dúvida de
quem procura.
Eu nunca vou morrer...
Porque nasci da Terra e não simplesmente na Terra.
Pois dela sendo, guardo lembranças de contatos dos
mais inimagináveis:
Beijos, carícias, confidências, rituais e caminhadas.
Nunca me permiti corromper com a pressa da atualidade
E não perdi o êxtase diante do germinar de uma
semente, dos mistérios das florestas,
E dos incontáveis crepúsculos que admirei,
Fotografando-os e guardando-os em minha coleção
contemplativa.
Eu nunca vou morrer...
Vou apenas cruzar uma ponte meramente frágil,
Construída entre o que parece ser a minha essência
E outro lado semidesconhecido do universo da existência
Vou apenas seguir adiante, de alguma forma, em minha
busca,
Eternizando-me nas lembranças dos que aqui ainda
ficarem,
Na perpetuação da espécie pela genética de minhas
duas filhas,
Nos sorrisos que provoquei e que nunca poderão ser
desfeitos
E nas pérolas dos meus poemas que só aos amigos eu
mostrei.


josealdyr@gmail.com
JOSÉ ALDYR GONÇALVES
Enviado por JOSÉ ALDYR GONÇALVES em 02/11/2009
Alterado em 18/08/2015
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar: Autoria de José Aldyr Gonçalves). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras